Ritual

Algumas pessoas perguntam como é fazer magia. Para mim, a magia é operacionalizada através de uma série de práticas sobretudo de caráter intuitivo, baseadas em rituais. Um ritual é um conjunto de ações que pretendem abençoar e louvar (convocar energias benéficas, entre elas a gratidão) e/ou curar (movimentar e transmutar) uma dada situação (uma ferida existencial ou de alma).

Ao longo dos últimos milénios, temos vindo a ser despojad@s da espiritualidade enquanto prática individual, inspirada em tradições mas vibrando sobretudo na escolha da alma. Por isso achamos que os rituais só podem ser feitos por outros (pelo conservador que casa no registo civil, pelo padre que batiza na igreja).  Na verdade, qualquer pessoa pode fazer um ritual, convocando o seu poder interno e unindo-se às forças cósmicas.

Na semana passada, encontrei uma amiga estrangeira com quem já não estava há quase dois anos. Fomos até à floresta na montanha de Sintra e o espaço onde chegámos era tão especial que acabámos por improvisar um ritual. Foi um momento de rara força e beleza.

Image Diana V. Almeida. Sintra, Oct. 2020.